Comparador de cursos universitários

Ainda não adicionou cursos ao comparador.
Utilize o motor de busca e compare cursos

O que ver em Madri

Desfrutar de Madri como turista é descobrir um lugar diferente a depender do lugar onde você estiver. Madri é árabe, é imperial, é uma vila cortesã ou também pode transformar-se em uma cidade vanguardista. A capital da Espanha é uma cidade repleta de vida, pela qual passaram pessoas de culturas muito diferentes que deixaram sua marca em seus bairros, ruas, parques e edifícios.

Para descobrir a Madri histórica você pode começar visitando a praça Mayor, antigo arrabalde árabe e principal mercado, que durante o reinado de Felipe II foi dignificado e transformado em recinto fechado com nove portas de acesso. Muito perto dali fica a plaza de la Villa, de arquitetura similar à citada e rodeada de importantes edifícios como a torre de Los Lujanes e a Casa de Cisneros.

 

Muito perto dali encontra-se a Puerta del Solponto nevrálgico e comercial da cidade que deve seu nome a uma antiga entrada da cidade. Em 1866 sua torre passou a ter um relógio no qual anualmente são retransmitidas as badaladas do Ano Novo. A praça abrigou importantes acontecimentos como o levantamento do povo contra as tropas napoleônicas em 1808, o assassinato do presidente do Governo José Canalejas em 1912 e a proclamação da II República, em 1931.

Na Puerta del Sol encontra-se a estátua do símbolo da Comunidade de MadriUrso e o Medronheiro, que serve como ponto de encontro dos jovens madrilenhos. Também se encontra nesta praça o marco zero, ponto de onde começam a ser medidas todas as estradas radiais da Espanha. É sinalizado com uma placa no chão não muito visível, mas que você poderá identificar facilmente porque há sempre algum turista tirando fotos nela.

 

Se preferir um percurso mais aristocrático você deverá ir à plaza de Oriente, um bonito lugar, decorado com as estátuas de cinco reis visigodos e quinze monarcas dos primeiros reinos cristãos da Reconquista. Preside a praça o Palacio de Real construído no século XVIII e residência dos reis até a chegada da II República. A praça de la Armería é a porta de entrada pela fachada principal. Em frente ao palácio Real encontra-se a catedral de Santa María la Real de la Almudena, de estilos neoclássico, neogótico e neorromântico.

Na parte oposta ao centro, a leste, fica a puerta de Alcaláum dos símbolos mais representativos da cidade. É uma majestosa porta encarregada por Carlos III em uma localização onde anteriormente ficava a porta que ia em direção à localidade de Alcalá de Henares. A seu lado fica uma das entradas ao parque del Retiro, um autêntico remanso verde no centro de Madri.

 

Por último, você não pode esquecer do percurso mais cultural, concentrado no chamado "triângulo da Arte" . Esta rota artística é feita pelas calçadas do paseo del Prado, onde você pode encontrar três dos museus mais emblemáticos do mundo: o Museo del Prado, o Thyssen Bornemisza e o Centro de Arte Reina Sofía.

Para descobrir mais atrações turísticas de Madri visite o site Es Madrid.

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.