Comparador de cursos universitários

Ainda não adicionou cursos ao comparador.
Utilize o motor de busca e compare cursos

Música e Dança

Além de atuar como bailarino e coreógrafo, quem se forma na área de Dança pode trabalhar com a produção e organização de espetáculos para teatro, cinema ou TV. O profissional que possui licenciatura ainda tem a oportunidade de tornar-se professor de dança em escolas para o ensino fundamental, médio ou em cursos livres. Para ser um bailarino profissional, é exigido o documento que comprova capacitação profissional.

No primeiro caso, o aluno tem um grande contato com teorias, fazendo com que o profissional participe de apresentações, mas ao mesmo tempo esteja preparado para criar novas linguagens artísticas. Algumas disciplinas que podem ser encontradas são Comunicação e Expressão, Música, Técnicas de Danças, entre outras. A prática é bem constante nos cursos, para que os alunos consigam aprender de fato e ter um bom desempenho em termos estéticos da dança e teóricos.

A maior parte das oportunidades de empregos tende a estar em grandes metrópoles. A principal justificativa para tal é que nesses locais em que ficam concentradas as produções culturais e, por isso, precisam de mais profissionais para compor o mercado.

Há a possibilidade de trabalhar tanto com coreografias em grupo como individuais, tanto no momento de criar uma performance, como de ensinar os estudantes a dançarem.

Já quem se especializa em música pode atuar na composição e interpretação de canções, utilizando instrumentos musicais acústicos e eletrônicos. Um músico pode ser compositor, arranjador, intérprete e maestro. As principais áreas de atuação são os concertos, espetáculos, gravações e até mesmo na área de ensino, como professor, tanto para alunos de universidade, como aulas especializadas de música ou uma disciplina que componha a grade horária da escola. Também há espaço para esses profissionais nas agências de publicidade, para a elaboração de jingles para comerciais.

Durante o curso, o estudante pode aprender sobre muitas áreas musicais e perceber com qual delas se identifica mais. Em relação à matriz curricular, algumas disciplinas presentes são: Percepção Musical e História da Música, criando uma formação mista, tanto com entendimentos teóricos como práticos em relação à música.

Uma outra área de o músico pode atuar, praticamente desconhecida pelo público leigo, é a área de pesquisa. Além de entender mais sobre todas as teorias por trás da música, também pode criar novas composições e formatos inovadores em comparação ao que já é visto nos dias de hoje.


Estudos destacados

Música
Universidade do Minho
  • Licenciaturas
A Licenciatura em Música da Universidade do Minho proporciona uma formação fortemente especializada em Instrumento, Ciências Musicais, Direção Coral. São estimuladas a mobilidade e o intercâmbio académico no quadro de formação proporcionada pelas instituições da rede de ensino superior universitário europeu. Numa cultura de competitividade e empregabilidade. Internacionalização e...

3 anos Pós Laboral Campus de Gualtar (Braga)
Mestrado em Musicologia
Universidade de Évora
  • Mestrados

4 semestres Campus Universitário (Évora)
Licenciatura em Dança
Universidade de Lisboa
  • Licenciaturas
Investigar e inovar no ensino e criação em dança nos âmbitos: - Animação sociocultural - planear, realizar, acompanhar e promover programas de recreação e lazer de âmbito artístico-cultural. - Criação coreográfica - privilegiar as potencialidades da criação coreográfica em termos de intervenção na comunidade, através da adequação a diferentes...

3 anos Campus Universitario (Lisboa)
Ciências Musicais
Universidade Nova de Lisboa
  • Doutoramentos
- Adquirir capacidade de compreensão sistemática e conhecimento dos avanços nos domínios específicos das Ciências Musicais Históricas, da Etnomusicologia ou do Ensino e Psicologia da Música; - Conhecer e compreender as metodologias e técnicas relevantes de investigação na área das Ciências Musicais bem como a sua adequada aplicação nos domínios científicos acima referidos; - Ser...

8 semestres Campus de Campolide (Lisboa)
Mestrado em Ensino de Música
Universidade de Aveiro
  • Mestrados
- Oferecer uma sólida formação artística no âmbito da Performance, Composição e Teoria e Formação Musical que permita aos mestres um acesso privilegiado à investigação e consequentemente às diferentes especialidades de 3º ciclo; - Contribuir para o enriquecimento da vida cultural e artística do nosso país formando músicos - instrumentistas, compositores maestros e professores de...

4 semestres Diurno Campus Universitário de Santiago (Aveiro)
Música, variante de Música Antiga
Politécnico do Porto
  • Licenciaturas

6 semestres Porto
Mestrado em Musicoterapia
Universidade Lusíada
  • Mestrados
Este curso tem como objectivo centrar que se pretende atingir com este curso de 2.º ciclo é que os profissionais de áreas afins à Musicoterapia adquiram conhecimentos e competências especializadas de intervenção clínica e investigação, vindo de futuro a contribuir para o desenvolvimento da Musicoterapia como disciplina de intervenção e como área de conhecimento académico e científico.

2 anos Campus Universitario (Lisboa)
Artes Musicais
Universidade Nova de Lisboa
  • Mestrados
- Aprofundar e desenvolver os conhecimentos adquiridos no 1º ciclo, de forma a desenvolver aplicações originais na área da Música e da Musicologia; - Capacidade de aplicar conhecimentos para a resolução original e inovadora de problemas relacionados com a área de estudo; - Competências de utilização e gestão articulada de diversos conhecimentos na abordagem de questões de âmbito alargado, bem como para...

3 semestres Campus de Campolide (Lisboa)
Música - Direcção
Instituto Piaget - Instituto Superior de Estudos Interculturais e Transdiciplinares de Almada
  • Mestrados
- Os mestres em Música-Direção poderão desempenhar funções ao nível de Direção de agrupamentos corais, orquestras de sopros, bandas filarmónicas, bandas militares e ensembles de sopros, consoante a área de especialização.

4 semestres Pós-Laboral Setúbal
Dança
Instituto Politécnico de Lisboa
  • Licenciaturas
O Perfil Profissional: - Um ‘performer’ dotado de autonomia artística, de competências técnicas e criativas ao nível da improvisação e da composição coreográfica que seja, simultaneamente, detentor de competências teóricas, de pesquisa e de fundamentação. Pretende-se, ainda, que o processo de formação seja levado a cabo na maior proximidade possível com o terreno profissional.

6 semestres Diurno Lisboa

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.